Carta de amor

6473110847_569e5e6bcc_o

Querido blog,
Espero que você esteja bem, gozando de boa saúde. Por aqui tudo bem. Antes de mais nada, gostaria de pedir desculpas por não ter dado notícias durante todo esse tempo. Como você deve saber, a vida não anda nada fácil. Eu tentei me reaproximar de você, ensaiei mil maneiras de começar uma conversa, mas tudo parecia mais difícil quando chegava o momento de escrever.A gente já teve um relacionamento sério, a gente se via todos os dias, você fazia parte da minha vida e eu acho humildemente que eu também fiz parte da sua. Quando nos conhecemos, tivemos dificuldades em transformar aquelas visitas pontuais em algo mais duradouro, mas com o muito esforço acho que construímos algo bonito.

Eu sei que você já passou por muita coisa antes da gente se conhecer e eu me sinto muito culpado por ter lhe abandonado quando você mais precisava de mim. Nesse tempo em que andei afastado, eu ouvi notícias horríveis sobre você: que você estaria morrendo, que tinha os dias contados, que ninguém mais ligava para você. Isso me doeu muito. Mas outras pessoas diziam que não, que você só andava mais afastada, que não frequentava as mesmas pessoas e que os seus bons amigos continuavam lhe vendo discretamente.

Sei que você deve ter ouvido muita coisa sobre mim, muita fofoca, muito boato. Eu quero sinceramente explicar tudo isso para evitar mal entendidos. Tenho conhecimento que falaram para você que eu te troquei pelo Facebook, pelo Instagram, pelo Twitter e, veja você, até pelo Google +. Eu assumo que tive meus momentos loucos, que cheguei a invejar quem usava o MySpace. Mas esse tempo acabou. Eu quero realmente me reaproximar de você de maneira honesta e tentar um recomeço.

Fico aguardando o retorno do correio para saber se você me dá a oportunidade de voltarmos a estar juntos. Prometo que serei muito mais presente e que farei de tudo para que todos falem da gente como um exemplo.

Saudosos cumprimentos,


photo credit: Hello Muddah, Hello Fadduh (A Letter from Camp) via photopin (license)